[CURSO] Branquitude Brasileira: Direitos e Políticas Afirmativas com Ana Helena Ithamar Passos

A nossa eterna Professora Ana Helena Ithamar Passos, está à frente do Curso Livre Branquitude Brasileira: Direitos e Políticas Afirmativas com Ana Helena Ithamar Passos através do Centro de Formação, que é uma iniciativa da Ação Educativa, uma organização da sociedade civil que promove direitos educativos, culturais e da juventude, tendo em vista a defesa da democracia, da justiça social e da sustentabilidade socioambiental no Brasil em cinco encontros sendo nos dias 05, 12, 19 e 26 de maio e no dia 09 de junho das 14h00 às 18h00.

Confira os detalhes do curso oferecido e forma de acesso abaixo divulgada no site oficial:

O curso objetiva construir uma reflexão da conjuntura atual do Brasil, a partir do entendimento de que a garantia de direitos afirmativos para a população negra refletiu diretamente em ações de violência e reações negativas da branquitude brasileira.

Buscamos construir um debate sobre como essas questões estão envolvidas com a discussão sobre relações raciais brasileiras, em específico, a discussão a respeito do lugar do branco e seus privilégios.

Pretendemos encerrar a oficina com uma intervenção, a depender dos acordos com os/as participantes, em um espaço majoritariamente frequentado por pessoas brancas, a fim de verificar as falas e a postura do grupo social branco sobre política, direitos e privilégios.
Referências bibliográficas:

1 – HOFBAUER, Andreas. Uma História de branqueamento ou o negro em questão.

2 – MISKOLCI, Richard. O desejo da nação: masculinidade e branquitude no Brasil de fins do XIX.

3 – Ware, Von (org.). Branquidade: identidade branca e multiculturalismo.

4 – “Dossiê Branquitude” (on line) – SCHUCMAN, Lia Vainer & CARDOSO, Lourenço. Dossiê Branquitude.
Conteúdo programático

1º Encontro: a categoria raça em análise e a política de branqueamento no Brasil.

Esse módulo será dedicado a uma reflexão sobre a construção analítica da categoria raça a partir das teorias raciais do século XVIII e como essas teorias influenciaram a formação social brasileira em relação as políticas raciais pós abolicionistas.

2º Encontro: Branquidade ou Branquitude?

Os significados da introdução do debate da branquitude no Brasil.

3º Encontro: as relações de gênero marcadas na Branquitude

Uma discussão sobre as relações de gênero a partir da perspectiva dos efeitos da branquitude nessas relações.

4º Encontro: atividade lúdica e de reflexão coletiva sobre os conteúdos trabalhados nos encontros anteriores e vivência a partir da união desses conteúdos com nossas subjetividades.

5º Encontro: debate a partir de trechos da série “dear white people”(cara gente branca) e os textos trabalhados nos encontros anteriores.

A quem se destina

Professoras(es) da rede pública ou privada de ensino, acadêmicos, ativistas sociais e público em geral interessado no tema.

Clique na imagem do Centro de Formação abaixo para acessar a forma de investimento e maiores detalhes sobre a instituição.

Anúncios

EVENTO UNIVERSIDADE BRASIL: SEMANA ACADÊMICA DE SERVIÇO SOCIAL 2018

O curso de Serviço Social da Universidade Brasil tem formado profissionais e pesquisadores que moram e trabalham na Zona Leste. Este tem sido um importante diferencial, porque ao bacharelarem em Serviço Social esses profissionais tem exercidos suas atribuições na região construindo uma rede e repercutindo no desenvolvimento social, econômico e humano da região.

Desta forma, é com imenso orgulho que convidamos a comunidade, profissionais da rede de serviços e pessoas interessadas no curso para participarem da Semana Acadêmica de Serviço Social 2018, com o tema: Pluralismo na Academia e na Atuação: O Território, o Espaço e o Direito Social.

Tema: A Pluralidade na Academia e na Atuação: O Território, o Espaço e o Direito Social

Datas:

14 de Maio de 2018 – 19 horas – Serviço Social e Docência

15 de Maio de 2018 – 19 horas – Habitação

Clique aqui ou no banner abaixo para se inscrever – abre em nova janela

Banner

Como chegar:

Participe

 

CURSO: Documentação e Serviço Social [POUCAS VAGAS]

As professoras Telma Marques e Márcia Rejane planejaram o Curso de Documentação e Serviço Social: Elaboração de Relatórios, Laudos e Pareceres e seus Procedimentos Técnicos para sua materialização no cotidiano profissional, atividade cada vez mais requisitada para os/as profissionais que estão ou pretendem atuar nesta tão desafiadora área do conhecimento que é o Serviço Social, uma vez que as diversas expressões da contradição capital-trabalho exigem deste/a profissional aptidões cada vez mais complexas para entender o momento social, traçar planos, ofertar recursos, direcionar procedimentos e propor soluções para a população assistida pelas políticas públicas e/ou privadas.

O curso oferece por metodologia a realização de oficinas e laboratório de modo a proporcionar para cada participante a oportunidade de lidar com diferentes situações do cotidiano de trabalho profissional e foi elaborado para que o/a profissional seja capacitado para construir um relatório que expresse a perspectiva analítica (referencial teórico-metodologógico), tendo clareza dos procedimentos técnicos e da forma de registro, estabelecendo sempre uma relação com o projeto ético-político da profissão, a questão do sigilo profissional e a garantia de direitos constitucionais.

Agenda e carga horária

Dias 03 e 10 de Março de 2018

Horário: das 08h00 as 17h00

Local

Ação Educativa – Rua General Jardim, 660 – República

Fácil acesso pela estação República do Metro

Inscrições

Luminus Projetos e Gestão

Luminus Projetos e Gestão

Acesse a página da Lúminus Projetos e Gestão no link acima e reserve sua vaga.

Vagas limitadas!

 

 

Seminário: Subjetividade e Serviço Social – Programação

RECORTE

Conheça a programação completa do Seminário Subjetividade e Serviço Social: Desafios Multidimensionais para a Prática do(a) Assistente Social na Contemporaneidade.

O seminário tem por objetivo apresentar o SERVIÇO SOCIAL e discutir os desafios multidimensionais da prática do(a) ASSISTENTE SOCIAL, contemplando também os profissionais do campo social.

Também visa construir o intercambio entre a Universidade Brasil e a comunidade.

Nesta edição, convidamos a rede de serviços socioassistencial da zona Leste, pois  propomos construir espaços de trocas e de aprendizado recíproco, capaz de ampliar o debate político e de qualificar a prática profissional.

08 – Fevereiro – 2018

MATUTINO

08:00 – CREDENCIAMENTO

08:30 – ABERTURA

08:45 – PALESTRA

TEMA: Subjetividade e Serviço Social: uma aproximação ao debate sobre lutas e reconhecimento.

Márcia Rejane Oliveira de Mesquita Silva – assistente social do Tribunal de Justiça de São Paulo, mestre em Serviço Social pela PUC/SP, professora do curso de Serviço Social da Universidade Brasil.

09:15 – Cássia Mazeti Rossi, assistente social, mestre em Serviço Social pela PUC/SP, coordenadora do Curso de Serviço Social.

MEDIAÇÃO: ANA HELENA PASSOS ITHAMAR – advogada, doutora em Serviço Social pela PUC/RJ, integrante do coletivo DEFEMDE,  professora do curso de Serviço Social.

TRAJETORIA ACADEMICA E PROFISSIONAL

09:35 – Serviço Social, Militância e Empreendedorismo Social – Fábio Monteiro de Lima – Formação acadêmica em Serviço Social pela Universidade Brasil – UNIVBRASIL. Atua na área de Empreendedorismo Social: Elaboração de Projetos Sociais.

09:50 – Serviço Social, pesquisa e estágio na área da criança e do adolescente – Lúcia Aparecida Goulart Vieira – Assistente Social e Especialista em Gestão de Políticas Públicas e Atendimento às Famílias pela Universidade Brasil – UNIVBRASIL.

10:05 – Prevenção e Direito à Informação – Raphaela Fini – Assistente Social. Bacharelou-se pela Universidade Brasil. Educadora Comunitária e Agente de Prevenção do HC-FMUSP – Hospital das Clinicas Faculdade de Medicina da USP.

10:20 – Trajetória Profissional – Márcia Hermano – Assistente Social Assistente Social e Especialista em Gestão de Políticas Públicas e Atendimento às Famílias pela Universidade Brasil – UNIVBRASIL.

10:30 – DEBATE

NOTURNO

19:00 – CREDENCIAMENTO

19:30 – ABERTURA

09:45 – PALESTRA – As múltiplas contradições da prática profissional: possibilidades e desafios.

Raquel Paiva Gomes, Assistente social do Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo na Comarca de São Bernardo do Campo .Doutoranda do Programa de Planejamento e Gestão do Território da Universidade Federal do ABC.

20:15 – Cássia Mazeti Rossi, assistente social, mestre em Serviço Social pela PUC/SP, coordenadora do Curso de Serviço Social.

MEDIAÇÃO: MARTA CIRERA, assistente social, Mestre e Doutoranda em Serviço Social pela PUC/SP, professora do Curso de Serviço Social da Universidade Brasil.

TRAJETORIA ACADÊMICA E PROFISSIONAL

20:35  – A Dimensão Concreta e Social da Subjetividade: Demandas Emergentes para Prática do Assistente Social – Erivaldo Santos Morais – Assistente Social e Especialista em Gestão de Políticas Públicas e Atendimento às Famílias pela Universidade Brasil – UNIVBRASIL.  Mestrando no Programa de Estudos Pós-Graduados em Serviço Social da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo – PUC-SP, e Pesquisador do Núcleo de Estudos e Pesquisas sobre Ensino e questões Metodológicas em Serviço Social – NEMESS COMPLEX- PUC-SP.

20:50 – A Importância do Estágio Supervisionado na formação do Assistente Social e na inserção no mercado de trabalho – Sandra Kocura – Assistente Social no Núcleo de Proteção Jurídico Social e Apoio Psicológico (NPJ), referenciado no CREAS Itaim Paulista. Bacharelou-se pela Universidade Brasil. Idealizadora de Projetos socioeducativos direcionados para o público idoso e sendo executados em 08 Núcleos de Convivência do Idoso (NCI) na Região de Itaquera, Coordenadora do MST Leste 1

Local – Universidade Brasil – Itaquera

Rua Carolina Fonseca, 584 – Itaquera

Banner

BANNER - FINAL 1

Compartilhe!

Curso preparatório para o Concurso Público TJSP para Assistentes Sociais

Segunda Turma Aberta

As nossas eternas professoras Mestras Maria Telma e Márcia Rejane estão coordenando um curso preparatório para o Concurso Público para Assistente Social do Tribunal de Justiça de São Paulo – TJSP.

Acesse o link Lúminus Projetos e Gestão e conheça.

Curso presencial destinado para candidatos que desejam uma preparação para o Concurso de Assistente Social Judiciário do Tribunal de Justiça de São Paulo, com edital publicado dia 10 de março de 2017, salário inicial R$ 6.000,00 (seis mil reais). As aulas seguirão o previsto no edital e contemplarão o conhecimento especifico e legislações.

Coordenação:  Prof.ª Márcia Rejane Oliveira de Mesquita Silva – Mestre em Serviço Social e Assistente Social do TJSP e Prof.ª Maria Telma Oliveira Marques – Mestre em Serviço Social.

INVESTIMENTO: R$ 600,00 à vista, deposito em conta corrente  (Banco Itau AG:0763 e C/C:05250-3) para inscrições até  25/03. Após essa data, consultar o valor via formulário de envio.

Para  Boleto Bancário Parcela  Única no valor de R$ 600,00 e  Cartão de Crédito parcelado  são cobrados R$ 650,00.

Agenda
Início: 25 de março de 2017
Término: 10 de junho de 2017
*São 12 Sábados 1 unica turma (Dia Inteiro) Horário das : 08:00h as 17:30h

Segunda Turma Aberta

Início: 01 de Abril de 2017

*São 12 Sábados 1 unica turma (Dia Inteiro) Horário das : 08:00h as 17:30h

Carga Horária
96 horas.

Conteúdo
​Módulo I – FAMÍLIA
Transformações e configurações de família.
Relações de Gêneros Intergeracional.
Módulo II – DIREITOS HUMANOS
Direitos Humanos.
Relações de gênero Inter geracionais.
Direitos fundamentais da Criança e Adolescentes.
Módulo III – VARA DE FAMÍLIA
Noções de Direitos de Família e Sucessões sobre as áreas de atuação do Serviço Social
Tutela e Curatela
Guarda e Guarda Compartilhada
Alienação Parental
Módulo IV – O SERVIÇO SOCIAL NO CAMPO SOCIOJURÍDICO
Módulo V – VIOLÊNCIA DOMESTICA
Violência Domestica e contra a Mulher.
Modulo VI – CRIANÇA E ADOLESCENTE E PROTEÇÃO ( VARA DE INFÂNCIA E JUVENTUDE)
Medidas de proteção
Criança e Adolescente vitimizados.
Violência contra Criança
Convivência Familiar e Comunitária.
Medidas especificas de proteção à Criança e ao Adolescente
Acolhimento Institucional.
​Módulo VII – MEDIDAS SÓCIO EDUCATIVA
O trabalho do Serviço Social com adolescente em conflito com a lei.
Medidas sócio educativa
SINASE
Módulo VIII – ENVELHECIMENTO e PESSOA COM DEFICIÊNCIA
Envelhecimento
Medidas de proteção à pessoa idosa e à Pessoa com deficiência.
Módulo IX – FUNDAMENTOS DO SERVIÇO SOCIAL
Os fundamentos do Serviço Social (matrizes teóricas)
O serviço Social na contemporaneidade
Interdisciplinaridade
A dimensão técnica – operativa.
Módulo X – ÉTICA E INTERDISCIPLINARIDADE
Ética e fundamentos sócio histórico
​Módulo XI – Laudos, Relatórios e Pareceres
Laudos Relatórios e Pareceres
Prática profissional x Pratica Institucional e Avaliações.
​Módulo XII – POLÍTICAS PÚBLICASMÓDULO XI – POLÍTICAS PÚBLICAS
Politicas Públicas e Serviço Social
Seguridade e Assistência Social
SUAS

VI Jornada Negra – Arte, Educação e Mídias Sociais: um debate sobre gênero e raça

O evento anual da Unicastelo Itaquera – Universidade Brasil edição 2016 acontecerá nos dias 21 e 22 de novembro com diversas atividades e debates contemporâneos de gênero e raça.

chamada-2

Confira a programação completa e a localização.

Segunda feira (21/11 – manhã)

08:00 horas – ATIVIDADE CULTURAL
Yundula Sebastião da Silva João
08:30Hs – MESA-REDONDA

Mídia e militância política para pensar a questão racial brasileira

Palestrantes:
Gabriela Vallim – Jornalista, educomunicadora e pós graduanda em educação e relações étnico-raciais.
Dulci Lima – Doutoranda em Ciências Humanas e Sociais na UFABC. Mestra em Educação, arte e história da cultura na universidade Presbiteriana Mackenze. Pesquisadora em Ciências Sociais e Humanas no Centro de Pesquisa e Formação/SESC/SP.
Anderson de Jesus – fundador e diretor da produtora Iracema Rosa Filmes. Formado em Artes Cênicas e Dramáticas pela Escola Incenna, graduado em Produção Audiovisual pela Universidade Paulista e pós-graduado em Cinema e TV pela Belas Artes. É fundador e editor do portal de notícias TNM – Todos Negros do Mundo, portal voltado especialmente para a produção de conteúdos para a comunidade negra.
Mediadora: Simone Jorge – Doutoranda em Ciências Sociais e professora do curso de Serviço Social da Universidade Brasil.

Segunda feira (21/11 – Noturno)

19:00 – ATIVIDADE CULTURAL – CIA Estilos – “irmãos de Sangue”

MESA-REDONDA

Mídia e militância política para pensar a questão racial brasileira

Palestrantes:
JAIRO PEREIRA – Músico, artista multicultural e criador do vloger “Alpiste de Gente” que trabalha a arte como forma de resistência Negra
EGNALDA CORTES – fundadora de um canal sobre maternidade negra e co-autora e produtora do quadro “Meus heróis negros brasileiros” no canal PhCortes
MEDIADORA: Ana Helena Ithamar Passos – Doutora em Serviço Social na área de relações raciais e professora do curso de Serviço Social da Universidade Brasil

Terça feira (22/11 – Manhã)

MATUTINO: 08H00 – ATIVIDADE CULTURAL

MESA-REDONDA – 08:30HS

Educação e diversidade

Gabriela Vallim – Jornalista, educomunicadora e pós graduanda em educação e relações étnico-raciais.
Maria Tereza Cruz – Formada em jornalismo pela Faculdade Cásper Líbero, e em Artes Cênicas pela Escola Técnica de Artes Recriarte; escreve para a Ponte Jornalismo: direitos humanos, justica e segurança pública; colaboradora da produtora Lado Z.

Programa Municipal de Educação para as Relações Étnico-raciais da RME-SP: trajetória histórica, considerações e possibilidades”

Palestrante: Rafael Ferreira Silva, Coordenador do Núcleo de Educação Étnico-racial da SME-SP desde 2013, Professor de Historia da RME-SP e Mestre em Educação pela Universidade de São Paulo (Faculdade de Educação-USP).
Mediadora: Rute Reis – doutora em Ciências sociais pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo e coordenadora do curso de pedagogia da Universidade Brasil.

Terça feira (22/11 – Noturno)

19:00 horas – APRESENTAÇÃO CULTURAL

MESA-REDONDA: 19:30

Palmares: História e memória

Danilo Luiz Marques – Mestre e Doutor em história pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Medidadora: Ana Helena Ithamar Passos – Doutora em Serviço Social na área de relações raciais e professora do curso de Serviço Social da Universidade Brasil

Localização

Subprefeitura de Itaquera – Rua Augusto Carlos Bauman, 850 – Itaquera – São Paulo – SP

%d blogueiros gostam disto: